Sexta, 07 Fevereiro 2020 19:13

Eleita nova diretoria do Conselho Estadual do Desporto; Membros são Conselheiros do CREF17/MT

Avalie este item
(0 votos)

 

Assessoria de Imprensa

CREF17/MT

Na última semana tomaram posse os novos membros do Conselho Estadual do Desporto (CONSED), entre eles, o presidente Edson Manfrin, o vice-presidente, Antônio Duarte de Figueiredo Neto e o representante dos árbitros, Cid dos Anjos. Ambos também fazem parte do Conselho Regional de Educação Física da 17ª Região (CREF17/MT) como conselheiros.

O CONSED é o órgão colegiado, de caráter consultivo, normativo e representativo da sociedade mato-grossense que tem por finalidade contribuir na formulação da Política Estadual do Desporto, dirimir os conflitos, acompanhar a aplicação de legislação desportiva, dentre outras. São também atribuições do Conselho a avaliação de projetos desportivos a serem contemplados com incentivo fiscal, cadastro de instituições desportivas e emissão de parecer em projetos e planos nos âmbitos estadual e municipal.

Por lei, o mandato dos conselheiros é feita por escolha através de eleição ou indicação dos segmentos esportivos, portanto, os novos membros estarão à frente da diretoria de 2020 a 2022.

Na cerimônia, os integrantes se apresentaram e detalharam suas experiências com o esporte. “ Estou pronto para junto aos demais membros fiscalizar, disciplinar, orientar, incentivar e fomentar as atividades de práticas desportivas, respeitadas e ressalvadas as disposições das Leis federais e estaduais; e zelar pela aplicação dos princípios e preceitos estabelecidos na legislação federal e estadual, entre outros”, disse Manfrin que está há quatro anos atuando como conselheiro e foi reeleito para mais quatro mandatos.

O presidente do CREF17/MT, Carlos Eilert, parabenizou a todos e desejou um excelente mandato.

“Tenho certeza que serão quatro anos de muitas realizações e conquistas para o Estado, pois temos excelente pessoas à frente dessa gestão. Mais uma vez o CREF17/MT presente e atuante na sociedade mato-grossense”, declarou Eilert.

Lido 264 vezes